8 de Setembro de 2009

Praça de Toiros da Terrugem

" O reencontro de António com o Santarém..."

(...) A noite começou com a melhor actuação. António Ribeiro Telles inspirou-se com ares do Alentejo e o Santarém deixou-se levar pela brisa suave que corria. Desta vez, o da Torrinha e o lazão com ferro Vasco Tomáz chegaram a acordo (...). Inicialmente foi visível a forma como o toiro se adiantou, nos compridos, mas posteriormente, com os curtos, também foi evidente a maneira propositada como o cavaleiro agiu. O segredo esteve na frontalidade com que caminhou na direcção do testuz, na verdade com que surpreendeu o adversário, para num ápice desenhar um quarteio simples e cingido, vencer o pitón direito e cravar os ferros.
Foram quatro curtos muito iguais, de muito bom nível, antecedidos de preparações recheadas de toreria.
Com o segundo do seu lote (que sofreu várias mudanças de comportamento ao longo da lide), António manteve a chama acessa. Montado no Rondeño, nas abordagens viajou ligeiramente ao pitón contraário, mas conseguiu, particularmente, uma bandarilha e um ferro de palmo de grande efeito, de novo precedidos de bom gosto e maestria. (...)

 

 

 

 

 

 

 

 


In, Revista Novo Burladero, Edição Nº250, Setembro de 2009, " O reencontro de António com o Santarém!", por Catarina Bexiga

 

rondeno_net.jpg